h1

Para refletir… Até onde vale a pena lutar por um sonho?

janeiro 10, 2011

Não consigo ficar tranqüila um minuto pensando no caso do alpinista mineiro e presidente da Femerj (Federação de Montanhismo do Rio de Janeiro), Bernardo Collares, 46, que foi dado como morto na ultima segunda-feira, dia 03, após escalar o monte Fitz Roy, em El Chatén, na Patagônia Argentina.

Por todas as coisas que já li sobre o assunto (não consigo parar de procurar matérias, na internet), Bernardo parecia ser uma grande figura, do bem, aventureiro. No facebook tem o perfil dele com vários depoimentos, muitas mensagens de força e solidariedade nos comentários que ele deixara sobre a situação climática da região.

Mas, Afinal… Fico pensando não no fato de sua “morte”, mas na situação, na realização do sonho, na expectativa dele, dos amigos e familiares. Até onde vale a pena lutar por um sonho? Até onde vale a pena insistir numa aventura? Mesmo sabendo que muitas vezes ela pode não ter volta. Quando nos colocamos na situação de expectador, achamos uma loucura, tantas tentativas para alcançar o cume de montanha, o topo, a sensação de “The king of the World”. Chegamos a pensar: de que adiantou tudo isso? Ele não deveria ter insistido, deveria ter voltado. A Kika Bradford, não deveria ter desistido dele, deveria ter voltado para resgatá-lo. Temos sempre várias explicações para tudo. Solucionamos todos os problemas facilmente quando não estamos diretamente envolvidos neles. Mas, não é assim, e o outro? Esquecemos de tentar entender o que o outro queria, o que ele faria, o que acharia da situação. Temos que tentar enxergar as coisas por vários ângulos.

Porém…. Quando tento, por um momento, pensar como Bernardo Collares (que ousadia minha) mesmo com toda a dor, sofrimento de uma perda de todos que o amam, acho que seria a pessoa mais feliz do mundo, pois, Eu Consegui! Atingi meu sonho, meu objetivo, lutei enfrentei tudo por isso.

Nada se compara ao sentimento da realização de um sonho. É mágico, fantástico, nos sentimos corajosos para enfrentar o que mais vier pela frente. E, tenho certeza que ele se sentiu assim, ou se sente.  Independente se hoje ele está aqui, nesse plano, em Minas ou não, mas ele EXISTE. Isso é tudo. E sua vida, sua coragem e experiências vão servir de exemplo para todos os aventureiros, viajantes, para todos aqueles que sonham em se lançar em busca de um sonho (poder ser uma viagem, um esporte, um bem ou qualquer outra coisa).

Eu tenho vários medos quando penso na realização dos meus sonhos e objetivos não só os de viagens, mas na vida em geral. Sempre que vou para uma aventura, seja viajar, praticar um esporte de aventura ou até mesmo à praia acampar, penso em tudo, nas vantagens e nos riscos que vou correr, mas quer saber… Tudo isso vale a pena! Pois eu enfrento meus medos, e conquisto o que quero, diferente daqueles que passam a vida toda pensando, se lamentando que faria, poderia, conseguiria, tentaria, sem nunca sair do lugar.

"As montanhas são uma espécie de reino mágico onde, por meio de algum encantamento, eu me sinto a pessoa mais feliz do mundo." Bernardo Collares

About these ads

4 comentários

  1. *–*


  2. Arrasou no post! Como eu já te disse, só pensei em tu qnd soube do caso dele..
    Enfim, como vc falou, só ele pode saber se tudo isso valeu a pena, era o sonho dele e foi realizado né?
    E ano que vem estaremos nos aventurando na Argentinaaa, uhuuuul o/


  3. Amei o post. eu, assim como muitas outras pessoas, tem intrínseco esse espírito aventureiro, e podemos olhar com outros olhos a situação da paixão do Bernardo.


  4. Acho que para um sonho realizado, quase tudo vale a pena, eu que de montanha não conheço nada, cheguei ao pé dessa linda montanha ( Fitz Roy ) fiquei imaginando exatamente quanto vale a realização de um sonho, na minha conclusão em alguns caso, perder a vida fazendo o que se gosta vale sim a pena.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: